domingo, 22 de julho de 2012

MEDOS E SONHOS.


Meus medos repletos de sonhos que são como iscas pra mim enfrentá-los. É muito complicado lutar contra algo que a gente tenta a vida inteira fugir, só que chega uma hora que o destino nos coloca cara a cara, sem termos saídas somos obrigados a lutar. Mesmo sem tanta força, pois o medo nos trava e nos desconcentra, lutamos com todas as estratégias e armas que nos foram dadas. Com os olhos cheios d’água, guerreamos por tempos contra tudo que nos amedrontou ao longo da vida. Aterrorizados a cada batalha, somos guerreiros a cada palavra, a cada olhar, a cada gesto. Pois levantar-se todos os dias, já é uma luta, ainda nem se quer estamos preparados pro mundo perigoso lá fora. Cheios de mistérios e enigmas, acabamos nos acostumando com as aventuras e a adrenalina que o medo proporciona. E tudo não parece mais tão medonho, nosso receio em arriscar é completamente diminuído, e então percebemos que tudo não passava de algo criado pelo nosso coração e cabeça. E que o medo se engrandece, de acordo com a nosso receio e com a nossa ausência de fé.


 (Ana Karolyna)

Nenhum comentário:

Postar um comentário