quarta-feira, 17 de agosto de 2011

E então, dessa vez você vem?

Me procura. Pelo menos só dessa vez faça-me sentir que significo algo para ti. Ainda espero uma ligação sua… Daquelas sem motivos, apenas para ouvir a voz do outro. Meu sofá anda meio vazio. Ainda espera o dia em que você vai chegar de surpresa, não trazendo mais nada além do teu sorriso, e vamos assistir um filme sentados nele, daqueles que nós dois sempre gostamos. Ei, por favor, me abraça. Sem que eu precise pedir para ti no momento, apenas cola teu corpo no meu e fecha os olhos para aproveitar o momento… Não precisar ter uma razão para isso. Apenas me procura, não deixa que meu orgulho me convença de que você não sente minha falta […] E então, dessa vez você vem?

Nenhum comentário:

Postar um comentário