sexta-feira, 15 de julho de 2011

Eu não gosto de dizer “eu te amo”

Eu não gosto de dizer “eu te amo” não, é sério mesmo. Não faz o meu tipo dizer isso toda hora, não me acho confortável, independente da pessoa. Porque essa frase pra mim, é como se fosse um tipo de “libertação” é como se falasse pra pessoa “vem aqui, e faz o que você quiser comigo e principalmente com o meu coração” e a maioria das pessoas vão entender isso como “vem aqui, fode meu coração… estraga tudo que eu construi até hoje” e definitivamente eu não preciso disso mais uma vez na minha vida. Pode ser coisa da minha cabeça, pode até ser uma mania ridícula, mas é assim. Eu posso estar morrendo de ciúmes, posso estar fazendo de tudo por dentro… mas eu não consigo demonstrar, pelo menos não da maneira certa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário