quinta-feira, 19 de maio de 2011

Coração,


 desculpa por todos os danos causados, por não conseguir cuidar de você adequadamente. Me desculpe por ter te entregado para alguém que não merecia, que não te quer. Eu sei que é complicado deixar alguém ir embora, ainda mais quando essa pessoa é a que você mais deseja que ficasse. É difícil você se manter forte quando seu mundo está fora do eixo. Tudo mudou, é como se eu precisasse de alguma coisa para me manter o chão, mas que isso não me pertence. Eu preciso tirar todo esse excesso de sentimento, de dor, dentro de mim. Já não suporto mais. Eu consegui parar de chorar, quando alguém fala algo que me faz lembrar você. A dor que convive comigo, já está acostumada. Obrigado, coração, por esconder cada gota de lágrima que tenta cair sob meu rosto. Obrigado, por fingir que está tudo bem, até mais do que eu. Eu sei que não vai ser fácil esquecer aquela pessoa e todas as outras coisas, mas o tentar existe em nosso dicionário. É árduo ver todo aquele amor escapando entre seus dedos e você não pode fazer nada para mudar esse fato. Obrigado, por aguentar por todos esses dias a saudade, que me faz tão mal, a ausência dessa pessoa, que conhecemos tão bem. Eu vou preferir nos esconder, para não ter que se machucar de novo, como todas as outras vezes. Coração, porque logo essa pessoa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário