quarta-feira, 27 de abril de 2011


:
Odeio me sentir excluído, substituído, ignorado, e absolutamente deixado para trás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário